GirlBoss, vamos assistir?

16:36



Você tem N motivos para assistir e não assistir GirlBoss, pretendo falar deles a seguir.Como cai para assistir GirlBoss, simples, precisou de apenas um trailler que a página do Netflix lançou que fez eu baixar a série e assistir em apenas dois dias ( nada difícil, já que são 13 eps, média de 30 minutos cada ep). O trailler simples, faz parte da primeira cena, a qual a personagem Sofia "filosofa" sobre a vida adulta, o sistema a qual vivemos, e de repente uma velha a interrompe e conversa com ela, slém de dar aquele belo tapa.

Girlboss conta a história de uma garota que fez de "lixo" um dos maiores brechós online do mundo, se você der uma googada verá como a mina que era em certo ponto um nojo de pessoa, se tornou uma empresária, e olha que ela estava fugindo do clichê da vida adulta a qual tanto detestava. Podemos notar alguns traços do caminho que ela trilhou.


Sofia é uma atípica personagem principal, nada frágil,  grossa, mal educada e um tanto egoísta. Tem momentos que da muita raiva dessa menina, mas faz parte da vida, se formos pensar que na vida real temos tanta Sofia e a série trás um tanto de realismo e inspiração na própria Sofia Amoruso , fez eu querer assistir para saber o final. 





Claro que a série não abordou apenas isto, teve um romance, uma falcatrua dos negócios, como o ser humano é podre, como Sofia em certos pontos humilhava e em outros ajudava e com o tempo foi aprendendo a ser menos egoísta, a da valor as pessoas. Diria que Sofia não cresceu apenas como uma empresária, no ramo da moda, o seu maior ganho foi a pessoa a qual conseguiu se transformar. 

Sofia é uma personagem chata, não vou mentir que deu vontade de parar de assistir por ela, mas a sua amiga é tão interessante que ela dar um Up a história. Seu namorado que acho feio mas bonito ao mesmo tempo é um tanto interessante. A sua.... quase soltei spoiler, não foi dessa vez. Teve uma personagem que senti vontade de dar um soco na cara dela, apesar de no primeiro momento achar ela ok. E claro, seu amigo gay incompreendido é um toque final a série.



Outro ponto importante mostrado pela série é a dificuldade que as mulheres passam para ter poder, ser uma girl power, o machismo infelizmente ainda reina no mercado. As vezes precisamos ser grossa para chegar e alcançar o que almejamos. #chateada. E claro que sem as pessoas ao nosso redor, talvez não fosse capaz, é preciso dar valor a quem está ao seu lado.

Se eu gostei de ver? gostei. A série é bacana? é, mas podia ser um filme. Creio que ficaria menos massante e mais interessante. Eu gostei um tanto da série por motivos pessoais, cheguei a um ponto de perceber que meus sonhos estavam morrendo, ou seja, uma parte de mim estava indo embora. Reaprendi que nunca devemos parar de acreditar e que por mais que nossa vida esteja uma merda, veja oportunidade em algo, foi isto que Sofia fez. E se ela foi capaz, eu sou, você também é.

Para quem quiser conhecer o site, só clicar Nasty Gyl e o livro tem o mesmo nome da série.


Já conhecia a loja, a história ou lido o livro? Deixe nos comentários.

You Might Also Like

0 comentários

Opiniões e elogios sempre bem vindo.

Like us on Facebook

Flickr Images